5 esportes que eu praticaria

Em 18.08.2015   Arquivado em Memes, Rotaroots

Thomas Müller: quem me acompanha desde 2010 sabe que por esse eu sofro todas as enxaquecas do mundo numa boa! hahahaha <3

Eu tô meio viciada em fazer coisas do Rotaroots. Tentem não reparar nisso, hahahahahahahaha. Bem, eu sou uma pessoa bem insuportável pra praticar esportes. Não porque eu não goste, mas porque eu não posso. “Como assim não pode, Camilla?” Eu tenho enxaqueca com aura. É uma enxaqueca só que como se você tivesse tomado LSD e ouvido muito Sgt. Peppers dos Beatles antes.

Eu queria realmente estar zoando, mas não: eu fico com a visão colorida, do nada ela apaga e eu começo a passar absurdamente mal. E isso por uma série de coisas como: não comer direito, não se hidratar, insolação e… excesso de esforço físico! Se dar uma caminhada longa pra mim embaixo do sol já é quase uma Olimpíada, imagina fazer um esporte? A única coisa que me orgulho foi da vez que ganhei um campeonato de handball como goleira e joguei passando mal até o fim. Mas só também.

1. Futebol

Eu tenho sangue de zagueiro do Santos correndo nas veias, então eu adoro ser zagueira. Adoro chutar canelas, arrancar pele, sangue, ossos… OK, pode não ser assim, mas às vezes eu realmente dou umas exageradas. Em todas as outras posições sou uma negação. Jogaria se eu fosse boa.

(Leia mais…)

5 coisas que não gosto na blogosfera atual

Em 14.08.2015   Arquivado em Memes, Rotaroots

Já aviso que vou seguir a risca o que o Rotaroots falou: mês do blogueiro tem que postar muito sim!

Lindinho, né?

Lindinho, né?

Este é o mês do blog. E eu, participando do Rotaroots, não poderia deixar de participar de alguns memes de lá. Pra quem não sabe, o Rotaroots é um grupo onde blogueiros se divulgam e compartilham suas opiniões sobre os mesmos temas escolhidos para determinado mês. Isso ajuda a dar aquele up nas visitas do blog e pra manter a tradição daquela união blogueira e de liberdade de publicação, que hoje parece não existir tanto nessa nova onda de blogs. Aliás, é justamente um pouco disso que vou falar hoje.

1. A busca incansável por fama

Tá, seria hipocrisia dizer que você não quer ter lá suas visitinhas e seus comentários com um blog. Até porque, eu não tô afim de escrever pras paredes. Masssssss essa busca excessiva por likes, compartilhamentos, comentários e seguidas é extremamente cansativo. É como se seu blog vivesse de números. Com isso, a qualidade dos posts vai caindo muito e vira aquela coisa repetitiva: todo mundo fala a mesma coisa pra fazer sucesso.

Por um bom tempo eu vivia assim: respondia nuns duzentos blogs por dia porque queria cada vez mais fama. Resultado: não resolveu (porque tem muita gente nojenta no mundo blogueiro que tem um site legal mas não se dá o trabalho de responder) e existem maneiras bem mais interessantes e certeiras de se fazer uma divulgação de sucesso, como publicidade no Facebook, parcerias com editoras, etc.

2. Superestimados

Uma boa parte de blogueiros famosos parecem que saíram de uma mesma caixa: são exatamente iguais, curtem as mesmas coisas, têm roupas parecidas, fazem resenhas dos mesmos livros e não têm absolutamente nada de criativo e significante a acrescentar. É como se caso um sumisse não fizesse diferença. E eu sempre me pergunto: o que faz deles tão famosos se eles não fazem nada demais? Se já é meio absurdo tratar famosos de verdade como alienígenas, sendo que eles também passam mal, vomitam, dão petê e bebem mais de novo, vão no hospital, no banheiro, etc… imaginem sub-subcelebridades? Er…

(Leia mais…)